terça-feira, 4 de outubro de 2016

NOVA ETAPA

O primeiro passo



Dia 3 de Outubro, uma data para a minha história pessoal. Fui, como nos últimos anos, inscrever-me em três disciplinas da Unisseixal, mas, ao mesmo tempo, preenchi a papelada para me apresentar como professor destes alunos maiores que vou encontrar pela primeira vez.

Ao preencher os impressos, dei com a pergunta: porque quer ser professor? Ora, escrevi que é por puro e simples voluntariado social que ali estava, respondendo ao convite que o reitor me fez há dois meses atrás.
Bem vistas as coisas, eu já tenho muita experiência deste dar sem receber, que é a maneira mais hábil de receber muito mais, ou, por outras palavras, de, por ricochete, me tornar muito mais rico.
Também foi por puro voluntariado que estive na direcção da Casa do Educador do Seixal durante uns dez anos e nessa função bem vi o meu crescimento pessoal no conhecimento e compreensão das pessoas, na postura serena perante as mais diversas situações, além de ter recebido as maiores compensações na exaltação com que vivemos tantos momentos significativos, na alegria de tantos amigos cujos rostos diziam obrigado mesmo sem palavras.

Agora é uma nova etapa. Toda a gente sabe "português"(!) e eu não sei ainda como vou orientar as aulas. Estarei sobretudo na disposição de atender às solicitações dos alunos, ajudá-los nas suas dúvidas. Anda cá dentro um sonho que talvez possa realizar: a disciplina chama-se "Oficina de Português", numa bela solução criada pela professora que já em anos anteriores leccionou na Unisseixal. Vou falar com ela num dos próximos dias a pedir ajuda, mas se se trata de uma oficina, teremos de apresentar produto, sendo possível mostrar esse produto ou não?

Talvez possa criar um blogue anexo ao site da Unisseixal... 
Começar etapas aos 77 anos é para muita gente um pouco esquisito. Para mim, é a via mais linear de sentir gosto por viver. 
VIVER! Nome de blogue e sensação íntima de alegria por ainda andar por aí a fazer coisas para bem da minha saúde mental e física. Acrescento ainda um estado permanente de agradecimento espiritual por ser o que sou hoje. 
E a conversa continua...

11 comentários:

  1. Dá gosto ler artigos como este...há um desenvolvimento de ideias, acontecimentos e vivências que são uma delicia.A ilustração também dá outro brilho ao texto. Não se esqueçam de tirar fotos aí ao espaço aonde trabalham, pois mais tarde poderão fazer um video ou não para o colocar no blogue. Bom trabalho para amanhã.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico lisonjeado com comentários tão deliciosos, tão oportunos e tão sábios desta professora de gente grande. Obrigado, Luisa, e beijinhos do A. Henriques

      Eliminar
  2. Dar e compartilhar conhecimento é um bem que preenche a nossa alma! ...

    ResponderEliminar
  3. Como é bom ler os seus textos!!!
    Vou ser uma leitora assídua do seu Blog.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quanto mais leitores, mais me empurram para a frente!

      Eliminar
  4. Gente jovem é assim.
    Acordar diariamente com objetivos, fazendo planos para o futuro, começar de novo, é uma boa receita, para manter uma mente sã e esquecer as artroses.
    Fico a aguardar novo texto e vou ser uma seguidora atenta do teu blog.

    ResponderEliminar
  5. Brilhante ideia para um tema muito oportuno.

    ResponderEliminar